Portuguese

A participação no concurso e a utilização do sítio Web www.dropbydrop.eu constitui aceitação das seguintes condições gerais:

1. BREVE DESCRIÇÃO DO CONCURSO

Pedimos a todos os europeus para criarem um anúncio de jornal que motive as pessoas a preservarem a água no presente e para as gerações futuras.

A Água é o recurso mais precioso para a vida. Aqueles de nós que a têm, tomam-na como certa.
A mudança começa em casa –Gota a gota.

O concurso europeu de anúncios faz parte da campanha "O futuro que queremos", uma campanha mundial promovida pelas Nações Unidas no período que antecede a conferência Rio+20, que terá lugar em Junho de 2012.

O concurso convida profissionais e não profissionais dos 48 países europeus a criarem um anúncio de jornal destinado a sensibilizar o público para a importância e necessidade de conservar a água.

Trata-se de uma iniciativa do Centro Regional de Informação das Nações Unidas (UNRIC), em parceria com o Programa das Nações Unidas para o Ambiente (PNUA) e o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Direitos Humanos, que conta com o apoio do Conselho de Ministros Nórdico.

O concurso abre no dia 10 de Dezembro de 2011, Dia Internacional dos Direitos Humanos, e termina com a cerimónia de entrega dos prémios, que terá lugar em Paris, em Junho de 2012.

Os anúncios serão utilizados como publicidade institucional e serão publicados nos principais meios de comunicação social europeus e internacionais, exibidos em exposições e usados em serviços de mensagens de difusão para sensibilizar as pessoas para as questões relacionadas com a água e o desenvolvimento sustentável.

O vencedor será seleccionado por um júri de peritos em design gráfico, publicidade, fotografia e questões ambientais.

1.1 Prazo para apresentação dos trabalhos

O prazo para apresentação de trabalhos expira à meia noite (CET) de  29 de Fevereiro de 2012. Os trabalhos apresentados depois de expirar o referido prazo não serão aceites.

Todos os trabalhos deverão ser apresentados através do sítio Web designado para o efeito: www.dropbydrop.eu.

1.2 Processo de selecção

A entidade organizadora  nomeará um comité de pré-selecção composto por cinco membros, na sua maioria designers profissionais e peritos em questões ambientais, cuja função consistirá em verificar se os trabalhos apresentados respeitam as regras estabelecidas no Convite à Apresentação de Trabalhos. O comité de pré-selecção escolherá 30 finalistas cujos trabalhos serão apresentados ao júri. Este júri, composto por peritos de destaque em design gráfico, publicidade e marketing, bem como peritos em comunicação e em questões ambientais das Nações Unidas, avaliará os 30 trabalhos finalistas. Os trabalhos que não respeitem as regras serão excluídos do concurso, ao critério do júri. A decisão do júri é definitiva e não é passível de recurso.

A composição do júri é a seguinte:

Jacques Séguéla, Vice-presidente da Havas, um dos principais grupos de serviços de publicidade e comunicação do mundo.

Catarina de Albuquerque, Relatora Especial sobre o direito humano à água potável e ao saneamento

Connie Hedegaard, Comissária da UE para a acção no domínio do clima.

Omar Vulpinari, Chefe de Comunicação Visual da Fabrica, o centro de investigação sobre comunicação do Grupo Benetton.

John Vidal, editor de assuntos ambientais de The Guardian.

Jens Assur, fotógrafo sueco.

Ferah Perker, designer gráfica turca e membro da Sociedade Turca de Design Gráfico e da Sociedade Turca de Criativos de Publicidade.

1.3 Prémios

A cerimónia de entrega dos prémios terá lugar em 5 de Junho de 2012, Dia Mundial do Ambiente, em Copenhaga.

Haverá três prémios. O primeiro, é um prémio em numerário no valor de 5 000 euros concedido pelo Conselho Nórdico ao vencedor seleccionado pelo júri. As responsabilidades fiscais inerentes a prémios em numerário recaem sobre os vencedores dos mesmos.

O "prémio juventude" será oferecido pela Fabrica e destina-se a participantes de 25 anos de idade ou menos.

O Governo português oferecerá um prémio ao autor do trabalho que obtiver o maior número de votos numa votação pública.

2. REGRAS DO CONCURSO

2.1 Participação

O concurso está aberto a todos os cidadãos e residentes dos 48 Estados-Membros das Nações Unidas situados na Europa: Albânia, Andorra, Arménia, Áustria, Azerbaijão, Bielorrússia, Bélgica, Bósnia-Herzegovina, Bulgária, Croácia, Chipre, República Checa, Dinamarca, Estónia, Finlândia, França, Geórgia, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Irlanda, Itália, Letónia, Liechtenstein, Lituânia, Luxemburgo, Antiga República Jugoslava da Macedónia, Malta, Moldávia, Mónaco, Montenegro, Países Baixos, Noruega, Polónia, Portugal, Roménia, Rússia, São Marino, Sérvia, Eslováquia, Eslovénia, Espanha, Suécia, Suíça, Turquia, Ucrânia e Reino Unido.

Os participantes deverão ter 18 anos de idade ou mais.

O texto e os slogans usados no anúncio podem ser redigidos em qualquer uma das línguas oficiais dos 48 países elegíveis. No entanto, os trabalhos devem ser todos traduzidos para inglês no caso de serem apresentados noutra língua. Os trabalhos apresentados sem tradução não serão considerados.

Não é permitida a participação no concurso de funcionários do UNRIC e do PNUA nem de membros da sua família imediata, empresa ou equipas de design (isto é, designers que com eles colaborem com carácter de regularidade).

2.2 Apresentação de trabalhos

Os trabalhos deverão todos ser apresentados através do sítio Web designado para o concurso. Os trabalhos apresentados em papel ou enviados pelo correio não serão aceites. A participação é gratuita.

O concurso abre para apresentação de trabalhos no dia 10 de Dezembro de 2011. O prazo para entrega de trabalhos termina à meia-noite (CET) de 29 de Fevereiro de 2012. Os trabalhos recebidos depois de terminar o prazo não serão aceites. Todos os trabalhos devem ser obrigatoriamente apresentados através do sítio Web www.dropbydrop.eu .

O UNRIC não assume qualquer responsabilidade por trabalhos apresentados fora de prazo nem por ficheiros corrompidos. As inscrições incompletas  e os trabalhos que não respeitarem os requisitos formais que se indicam a seguir serão automaticamente excluídos.

Devido ao elevado número de trabalhos apresentados à última da hora, aconselhamos os participantes a enviarem o seu trabalho com bastante antecedência.

2.3 Requisitos técnicos

Cada participante apenas poderá candidatar-se uma vez mas pode concorrer com um máximo de cinco imagens. Se o participante tiver mais de uma ideia para apresentar a concurso, pode entregar mais de um trabalho, mas o número de imagens por participante é cinco – aconselhamos, porém, que as variações sobre uma ideia sejam reunidas em apenas UMA candidatura. Cada trabalho apresentado será considerado como um trabalho isolado, embora possa fazer parte de uma série.

As imagens apresentadas e transferidas através do sítio Web do concurso devem satisfazer os seguintes requisitos:

Formato JPEG (RGB);Dimensão máxima de 1000x1414 pixéis a 72 dpi; Orientação horizontal ou vertical;Limite de 5MB por imagem.

Será pedido aos finalistas para fornecerem uma imagem de alta resolução (máximo de 300 dpi) na dimensão prescrita – formato A2 retrato ou paisagem (modo de cores CMYK). A não apresentação de uma reprodução de qualidade profissional no formato prescrito poderá conduzir à exclusão da lista de finalistas.

O anúncio pode incluir texto, imagens, fotografias ou qualquer combinação destes elementos.

O trabalho apresentado deve incluir o logótipo da campanha "O futuro que queremos: gota a gota". Estarão disponíveis no sítio Web do concurso versões do logótipo em diversas línguas, nas cores originais, em negativo e em escala de cinzas, que poderão ser livremente utilizadas pelos participantes. Não é permitido em circunstância alguma separar os componentes do logótipo. Não devem ser utilizados filtros nem efeitos. O tipo de letra, dimensão e posição do texto devem ser mantidos. Não é permitido comprimir, esticar nem enviesar o logótipo.

2.4 Direitos de autor e patentes

O anúncio apresentado deve ser um trabalho original e inédito. O participante é responsável pelo conteúdo do anúncio, que não pode incluir material protegido por direitos de autor. O participante tem de ser o titular de todos os direitos sobre os textos e imagens utilizados no trabalho apresentado.

O anúncio não pode beneficiar qualquer empresa, organização, partido político ou grupo de interesses oficial utilizando, por exemplo, logótipos, marcas ou material representativo de empresas, partidos ou organizações.

O anúncio não pode conter imagens de nudez, nem outros conteúdos obscenos, ofensivos ou inapropriados. Os trabalhos serão todos submetidos a uma triagem pelo moderador do concurso antes de serem apresentados no sítio Web da campanha.

A arte final não pode conter nenhuma referência à identidade do participante. No entanto, deve ser possível estabelecer uma ligação clara entre os trabalhos apresentados e o seu autor.  Será solicitada aos autores dos anúncios finalistas uma ficha técnica contendo informação sobre todos os que participaram na sua criação. Esta ficha técnica será incluída em eventuais exposições e na imprensa escrita.

Os participantes detêm a plena titularidade dos trabalhos apresentados a concurso. Os participantes concordam em conceder ao UNRIC, aos seus parceiros da comunicação social, aos Estados-Membros das Nações Unidas e às iniciativas sociais associadas ao UNRIC e aprovadas pelo mesmo uma licença mundial irrevogável, perpétua, não exclusiva, transmissível e isenta de royalties para utilizar, reproduzir, expor, exibir publicamente e distribuir os trabalhos apresentados em qualquer actividade promovida pelo UNRIC ou pelos seus parceiros. É concedido e garantido a todos os participantes o direito a que a autoria dos trabalhos seja indicada sempre que os mesmos forem publicados ou expostos.

Não é permitida a reprodução do material para efeito de ganhos comerciais ou pessoais financeiros, não podendo igualmente o mesmo ser utilizado de uma maneira que dê a entender que a ONU está a apoiar os produtos ou actividades de uma empresa comercial. A ONU não assume qualquer responsabilidade pela utilização indevida do material, nomeadamente em actividades de produção, reprodução e de outra natureza levadas a cabo pelos seus parceiros no quadro concurso.

As decisões tomadas pelos organizadores sobre qualquer assunto relacionado com o concurso de anúncios de imprensa são consideradas definitivas e vinculativas. A ONU não poderá ser considerada responsável no caso de o concurso de anúncios ter de ser modificado ou cancelado por motivo de força maior.

2.5 Processo de selecção

A entidade organizadora  nomeará um comité de pré-selecção composto por cinco membros, na sua maioria designers profissionais e peritos em questões ambientais, cuja função consistirá em verificar se os trabalhos apresentados respeitam as regras estabelecidas no Convite à Apresentação de Trabalhos. A composição deste comité será anunciada em Março.

O comité de pré-selecção escolherá 30 finalistas cujos trabalhos serão apresentados ao júri. Os 30 finalistas serão anunciados no sítio Web do concurso em 2 de Maio de 2012.

Um júri composto por peritos de destaque em design gráfico, publicidade e marketing, bem como peritos em comunicação e em questões ambientais das Nações Unidas, avaliará os 30 trabalhos finalistas. Os trabalhos que não respeitem as regras serão excluídos do concurso, ao critério do júri. A decisão do júri é definitiva e não é passível de recurso.

A votação pública terá início em 1 de Março de 2012 e terminará à meia-noite de 21 de Março de 2012.

O vencedor da votação pública será anunciado em 22 de Março de 2012, Dia Mundial da Água, e o vencedor final do concurso será anunciado em 5 de Junho, Dia Mundial do Ambiente. Os participantes seleccionados serão contactados por correio electrónico e ser-lhes-á solicitado que forneçam uma ficha técnica e outra informação.

2.6 Critérios de avaliação

O concurso de anúncios da campanha "O futuro que queremos: gota a gota" seleccionará os trabalhos que demonstrem o valor do design de uma maneira clara, criativa, convincente e eficaz. Um júri composto por indivíduos qualificados e criteriosos identificará os trabalhos que possam ser utilizados como uma ferramenta eficaz para transmitir o valor e a importância da água.

2.7 Notificação dos vencedores

Os 30 finalistas, o vencedor do primeiro prémio, o vencedor do prémio juventude e o vencedor do prémio do público serão contactos por correio electrónico e ser-lhes-á solicitado que forneçam uma ficha técnica e outra informação.